04 fevereiro, 2012

O nosso destino


Somos nós que criamos o nosso próprio destino? Pensa comigo meu amigo: se te tivesses atrasado alguns minutos cruzarias na rua com aquele sorriso especial que te pôs tão bem disposto? Provavelmente não. Mas senão te tivesses virado e perguntado o nome que darias daí em diante àquele sorriso especial, terias encontrado o amor da tua vida? Então pensa comigo, amigo...não deixes tudo nas mãos do destino, pois quem põe nas mãos dos outros a sua maior riqueza , arrisca-se a perdê-la. Faz por ti, arrisca em ti, luta por ti, para que no fim, sejam teus os sonhos que sonhaste , as ilusões que imaginaste e a liberdade de ser feliz porque lutaste.

E desculpa, desculpa sempre, porque todos erramos e um dia também nós havemos de querer ser perdoados. Assume os erros com a dignidade de quem sabe pedir perdão, para puderes dizer de face erguida, eu compreendo porque também, um dia, já errei...

Boa noite meus amigos
Boa noite meu amor
Boa noite para ti que vieste conhecer este segredo de bem conviver