12 fevereiro, 2012

Acreditar naquele momento do tempo

   

Um momento no tempo, e quem acreditou em milagres desperdiçou um dom que a vida lhe havia concedido. A falta de amor próprio? talvez... a desmotivação? Quem poderá saber? Uma voz quase angelical, que apregoou o amor durante duas gerações embora os últimos anos tenham sido uma catadupa de desgraças. Também os maus exemplos podem servir de exemplos a não seguir. É preciso acreditar, é preciso seguir em frente, é preciso amar.Nem que seja num só instante, podemos fazer da nossa vida algo extraordinário,  motivar os que nos rodeiam a seguir em frente, passo por passo, um a seguir a outro até atingir aquele precioso momento no tempo em que sentimos a explosão da felicidade dentro de nós