28 janeiro, 2012

Quando a distância é aliada



A distância, essa inimiga que sem querer nos uniu ainda mais, porque o amor pode ser medido em medidas de distância, quanto maior o amor, mais cresce com a distância. Tudo em ti me faz falta, só a tua lembrança me aquece nos dias frios, mesmo quando estás do outro lado do nosso mundo. Foi lá longe que percebi que nunca mais seria feliz, senão fosse perto de ti. Não te ver, não te ouvir, não sentir o teu sentir, um vazio que eu não queria para o tempo que estava por vir.
Ficaste, fiquei, ficamos. Somos duas partes que quando unidas formam um todo perfeito.



3 comentários:

  1. olá amiga, vi sua visita em meu blog e vim retribuí-la, gostei muito daqui, os textos são teus amiga?? vc escreve muito bem, parabéns.. volte mais vezes ao blog, voltarei aqui tb.. bjos mil e ótimo domingo..

    ResponderEliminar
  2. Adorei conhecer seu espaço, só não consegui descobrir seus segredos... meu nome é Ana, muito prazer, obrigada pela sua companhia, espero que volte mais vezes, será um prazer te receber "Pelos Caminhos da Vida"

    Bom domingo!

    beijooo.

    ResponderEliminar
  3. Amar o Amor que recebemos não há quilometragem que o segure! Rompemos barreiras mesmo! Lindo o seu post! Abraço, Célia.

    ResponderEliminar